VOLTA ÀS AULAS

SÍNDROME DE DOWN: FAMÍLIA, EDUCAÇÃO E APRENDIZAGEM
30 de janeiro de 2018
O QUE SÃO TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM ?
1 de fevereiro de 2018

VOLTA ÀS AULAS

A volta às aulas é um momento de mudança na vida das crianças, seja devido à rotina escolar que começará novamente e os pequenos terão que deixar o conforto de suas casas diariamente, ou então porque é o início de um novo ciclo e alguns estarão adentrando ao ambiente escolar pela primeira vez. Mas a ansiedade ou afloramento de alguns sentimentos são iguais. E agora, o que fazer?
A entrada da criança na escola é uma etapa fundamental no desenvolvimento infantil e familiar. Embora se saiba que a trajetória família-escola é inevitável, nem sempre este é um percurso fácil. As crianças ingressam cada vez mais jovens na escola e nem sempre a família está preparada para esta nova experiência.
Os momentos mais sensíveis para o desenvolvimento familiar estão na transição de uma etapa do ciclo vital para outra. Na etapa da família com filhos pequenos, aceitar que o filho está preparado ou necessita freqüentar o ambiente escolar, seria um destes momentos vulneráveis. Conforme a “teoria do apego, elaborada por John Bowlby, experiências afetivas são essenciais para a criança desenvolver habilidades para lidar com os desafios.”
Podemos considerar que este é um momento de adaptação para as crianças e familiares e geralmente leva-se em torno de duas semanas de adaptação a essa nova rotina. Os que já frequentavam a escola no ano passado têm mais facilidade, o choro das crianças, muitas vezes, acaba assustando os pais, é um momento de transição, tanto para as crianças como para os pais. Não é aconselhavel levar as crianças de volta para casa quando elas choram, porque é com o choro que elas conseguem o que querem. Assim, elas vão perceber que se chorar, o pai e a mãe levam para casa, e vão chorar sempre.
É difícil deixar o filho chorando, mas é só nos primeiros trinta minutos, até eles entrarem no ritmo. O choro nos primeiros dias de aula é normal. “É um período de adaptação deles mesmo. O importante é que as professoras saibam lidar com isso, entender que é um momento de adaptação das crianças, é um período normal em que vão chorar, e por isso, é importante saber acolher bem. Tem aqueles que se adaptam no primeiro dia, e tem aqueles que são mais sensíveis e levam um pouco mais de tempo.Um dos fatores que pode contribuir nesta fase de adaptação é que os pais demonstrem segurança ao deixar o filho a escola, é importante que os pais conversem com seus filhos pontuando os fatores positivos ressaltando o quanto será bom passarem um tempo na escola. Para os que já frequentam a escola, faz-se necessário voltar à rotina aos poucos. É importante entrar nesse novo ritmo com alguns dias de antecedência, principalmente dormir mais cedo e ter horários para se alimentar e fazer as atividades do dia, o que não acontece durante as férias.

Rosângela F.Silva
Psicóloga e Psicopedagoga
CRP 06/70838

1 Comentário

  1. gilmar vieira disse:

    ötimos textos, muito obrigado pelas informações, pois fazem clarear nossas idéias a respeito das dificul;dades enfrentadas pelas crianças!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *